De pequena carpintaria a empresa completa, a Pais Indústrias aposta cada vez mais na exportação
04 Aug, 2021 Última Actualização 8:59 PM, 4 Aug, 2021

De pequena carpintaria a empresa completa, a Pais Indústrias aposta cada vez mais na exportação

 

A Pais Indústrias dedica-se ao design e fabrico de mobiliário por medida, apostando na qualidade e personalização dos seus serviços e produtos. Embora a empresa se tenha especializado em mobiliário de cozinha, roupeiros, portaros, mobiliário com pedra, quartos, salas e diversos serviços de carpintaria, a Pais Indústrias comercializa igualmente produtos de caixilharia em alumínio e pvc, portas, janelas, portões, automatismos, portadas, estores, monoblocos, grades, tendo já um vasto número de trabalhos realizados em Portugal, França, e Suíça.

Foi em 1982 que nasceu a Pais Indústrias Lda, no concelho de Sernancelhe. Pelas mãos de António Pais e a sua esposa, esta empresa começou por ser uma pequena carpintaria. O casal deu origem à empresa depois de uma experiência na emigração. O regresso à “terra natal” aconteceu e assim nasceu a carpintaria, localizada inicialmente nas traseiras de casa. Só em 1992 é que avançaram para a compra do atual terreno onde a empresa está localizada, na zona industrial do Seixo. Foi o primeiro mote para começar o desenvolvimento da empresa.

O segundo mote ocorre em 2000, quando José António Pais, filho do casal, e acabado de se formar em gestão de empresas, agarra o projeto familiar e lhe dá um novo impulso. A empresa inicia-se na carpintaria e produção de cozinhas e, desde cedo, quis marcar a diferença apostando na qualidade, design e atendimento personalizado. A empresa cresce, moderniza-se e passa a sociedade por quotas com a entrada de José António Pais. A empresa decidiu especializar-se na produção de cozinhas, roupeiros, portaros, carpintaria em geral, vindo mais tarde a dedicar-se também a caixilharias em alumínio e PVC.

A diversificação da atividade da empresa implementada ao longo dos anos teve sempre como o objetivo complementar a atividade da mesma. Estando atenta a toda a envolvente dos setores em que está inserida, a empresa aposta em novas tecnologias, softwares de apoio à gestão, orçamentação, desenho e produção, possuindo equipamentos instalados na sua linha de produção - robot de acabamento, CNC (Centro de Controlo Numérico), máquina de duas cabeças, orladora, seccionadora - bem como uma frota de viaturas com todas as condições necessárias para o transporte do material fabricado. A Pais Indústrias aposta em novos materiais e numa aproximação ao cliente baseada na seriedade, transparência e garantia de produtos que respeitam todas as normas e exigências do mercado onde se encontra a laborar, a nível nacional e internacional.

Embora a empresa se tenha especializado em mobiliário de cozinha, roupeiros, portaros, mobiliário com pedra, quartos, salas e diversos serviços de carpintaria, a Pais Indústrias comercializa igualmente produtos de caixilharia em alumínio e pvc, portas, janelas, portões, automatismos, portadas, estores, monoblocos, grades, tendo já um vasto número de trabalhos realizados em Portugal, França e Suíça. A internacionalização da empresa ocorre cedo, visto estarem instalados numa zona de forte emigração. Neste momento, a Pais Indústrias atravessa uma fase de informatização de toda a empresa.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Sotaque à moda do Porto

 

Há quem diga que a pronúncia serve como uma espécie de GPS geográfico. Apontamos as coordenadas para a cidade do Porto e viajamos pelo sotaque mais carregado do norte. 

Ler notícia

'Descubra e viva uma experiência': CIM Douro cria passaporte para impulsionar turismo

 

O Museu do Douro, no Peso da Régua, serviu de pano de fundo para a apresentação oficial do “Passaporte do Douro”. ‘Descubra e viva uma experiência’ foi o slogan atribuído a este projeto da Comunidade Intermunicipal do Douro. O principal objetivo desta iniciativa é impulsionar o turismo do Douro após um longo período de quase estagnação provocado pela pandemia da Covid-19.

Ler notícia

Berta Nunes recebeu emigrantes na fronteira de Vilar Formoso

 

A Secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, à semelhança do ano passado, marcou presença na fronteira de Vilar Formoso, numa receção aos emigrantes, inserida numa campanha de sensibilização de segurança rodoviária.

Ler notícia