Do Porto para o mundo, os sapatos Catarina Martins são exemplo da excelente produtividade portuguesa
26 May, 2022 Última Actualização 8:02 AM, 26 May, 2022

Do Porto para o mundo, os sapatos Catarina Martins são exemplo da excelente produtividade portuguesa

 

Paulo Martins tem uma vida dedicada ao setor do calçado. Aos 16 anos ingressou na escola do centro de formação profissional da indústria do calçado. Com o curso de modelista terminado, foi em São João da Madeira que começou a trabalhar no sector. Ao longo dos anos, desenvolveu inúmeros coleções para marcas, e sempre numa base de exportação. O sucesso do seu trabalho garantiu-lhe know-how e experiência e o desejo de ter a sua própria marca.

Foi assim que surgiu a marca Catarina Martins Shoes, em 2003. A assinatura de Catarina Martins é vintage mas fresca, contemporânea mas arrojada. É criada uma assinatura de couros tingidos e lavados à mão, dando a Catarina Martins uma identidade reconhecível. Os fornecedores e parceiros de fabrico da Catarina Martins são escolhidos manualmente pelas décadas de artesanato e atenção aos detalhes.

A marca está hoje, e cada vez mais, a chegar aos quatro cantos do mundo. Paulo Martins não deixa esconder a paixão pelos sapatos, que considera ser um produto tipicamente português. A filosofia da marca "Life is too short to take a nap" encarna a urgência em inovação contínua, atenção aos detalhes e resposta dinâmica a um mercado em constante mudança. Com qualidade garantida, as atenções estão agora apontadas em novas estratégias de comercialização.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

A prática de petanca é uma tradição na cidade de Puteaux

 

A petanca é um jogo de origem francesa, criado no princípio do século XX. O seu nome deriva da expressão “pieds tanqués”, que significa pés juntos. Mais do que apenas um jogo, é já considerado um desporto, e existem Federações Nacionais que regulamentam a sua prática.

Ler notícia

CCIFP iniciou encontros com Comunidades Intermunicipais, começando com a região do Médio Tejo

 

O Consulado Geral de Portugal em Paris abriu as portas ao primeiro encontro entre a Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa e uma Comunidade Intermunicipal. O evento teve como objetivo promover o território português e, na primeira edição, esteve em destaque a CIM Médio-Tejo, que reúne 13 municípios da região.

Ler notícia

Academia do Bacalhau de Paris realizou uma tertúlia no restaurante Le Chic

 

A primeira tertúlia após as recentes eleições da Academia do Bacalhau de Paris e sob a nova presidência do compadre Luís Gonçalves, teve lugar no restaurante Le Chic em Pierrelaye, nos arredores de Paris. Estiveram presentes cerca de 80 pessoas, na sua maioria comadres e compadres da academia. O jantar tertúlia teve como intuito a contribuição de fundos para quem mais precisa, e a associação escolhida foi a Les Voiles de I´Espoir, da qual a comadre Isabel da Ponte faz parte desde 2017. O objetivo é proporcionar um passeio durante uma semana a crianças que sofrem de cancro.

Ler notícia