Portugueses de Valor 2021: Nomeado Armindo Casalinho
04 Aug, 2021 Última Actualização 8:59 PM, 4 Aug, 2021

Portugueses de Valor 2021: Nomeado Armindo Casalinho

 

Armindo Casalinho da Silva nasceu em 1962, em Leiria. Uma das maiores recordações que tem da sua juventude é o momento em que decide partir de Portugal, em direcção a França. Tinha na altura 18 anos, e decide abraçar um novo projecto de vida, a emigração.

O objectivo era procurar ter melhores condições de vida, mas em França viu-se impossibilitado de obter os papéis para ficar legalizado. Armindo Casalinho não baixou os braços e manteve-se durante dois anos a trabalhar em terras gaulesas, mesmo sem os documentos. Conhecendo entretanto aquela que seria a mulher da sua vida, Armindo toma a decisão de casar e regressa a Portugal em no mês de Janeiro para casar em Agosto. Nesse período, apenas com a ajuda de um jovem, conseguiu construir a sua casa em Portugal, com 140 metros quadrados.

Já casado, regressa a França com a sua esposa e consegue a legalização. Em França, começou por trabalhar numa oficina de motorizadas, mas rapidamente passou para o sector da construção, onde se mantém até hoje. Aprendeu rapidamente a sai profissão, foi crescendo profissionalmente até surgiu a oportunidade, em 1986, de criar uma sociedade para uma empresa de construção. Dois anos depois, Armindo Casalinho decidiu deixar a sociedade e criar a sua própria empresa, que se mantém no activo até hoje.

Considera que com o esforço que tem feito, tem conseguido concretizar tudo aquilo que tinha pensado para a sua vida. “Quando cheguei não tinha nada, e só esperava casar, ter uma casa e uma vida melhor. Tudo isso consegui. Agora desejo continuar a ajudar os meus filhos e continuar com a vida mais estável. Gostava de deixar, daqui a algum tempo, a empresa para o meu filho mais novo, que já trabalha hoje comigo”.

Armindo Casalinho considera que foi com honestidade e seriedade que conseguiu alcançar as diferentes metas da sua vida. “Hoje não preciso de fazer publicidade, os meus clientes fazem-na por mim. Isso é sinal da seriedade do meu trabalho”. A nível solidário, Armindo destaca a ajuda voluntária que prestou na ajuda à construção do Monumento em Champigny-sur-Marne, em homenagem aos emigrantes portugueses. Para si ser português, significa ser fiel ao seu país e deseja muita sorte e tudo de bom aos portugueses.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Sotaque à moda do Porto

 

Há quem diga que a pronúncia serve como uma espécie de GPS geográfico. Apontamos as coordenadas para a cidade do Porto e viajamos pelo sotaque mais carregado do norte. 

Ler notícia

'Descubra e viva uma experiência': CIM Douro cria passaporte para impulsionar turismo

 

O Museu do Douro, no Peso da Régua, serviu de pano de fundo para a apresentação oficial do “Passaporte do Douro”. ‘Descubra e viva uma experiência’ foi o slogan atribuído a este projeto da Comunidade Intermunicipal do Douro. O principal objetivo desta iniciativa é impulsionar o turismo do Douro após um longo período de quase estagnação provocado pela pandemia da Covid-19.

Ler notícia

Berta Nunes recebeu emigrantes na fronteira de Vilar Formoso

 

A Secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, à semelhança do ano passado, marcou presença na fronteira de Vilar Formoso, numa receção aos emigrantes, inserida numa campanha de sensibilização de segurança rodoviária.

Ler notícia