Castanhas assadas e água-pé: a tradição voltou a Champigny-sur-Marne
07 Aug, 2022 Última Actualização 10:53 AM, 5 Aug, 2022

Castanhas assadas e água-pé: a tradição voltou a Champigny-sur-Marne

 

Foi com muitas castanhas assadas, acompanhadas pela tradicional jeropiga, que o dia de São Martinho voltou ao parque do Plateau, em Champigny-sur-Marne. O evento, organizado pela associação Les Amis du Plateau, reuniu cerca de 300 pessoas durante todo o dia. Com bom tempo, que se fez sentir a partir do meio da manhã, as pessoas puderam saborear, além da tradicional castanha, bifanas e caldo verde.

 

O presidente da associação, Joaquim Barros, salientou a importância deste regresso pós-pandemia para as pessoas, mas também para as associações. A artista Nathalie Afonso também marcou presença no evento, onde pintou um quadro, que foi sorteado a favor de obras sociais da associação Les Amis du Plateau. Quem não perdeu o momento, foi o fundador da associação e presidente honorário, Valdemar Francisco.

 No final, Joaquim Barros fez um convite. Apelou à participação na corrida dos Pais Natais, no dia 19 de dezembro, que vai acontecer no mesmo local, no Parc du Plateau, em Champigny-sur-Marne. O evento tem como objetivo angariar fundos para a compra de presentes a serem oferecidos a crianças hospitalizadas no dia de Natal. 

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Quinta de Santoinho celebrou os 50 anos de existência com grande festa para o público

 

Festa e arraial minhoto: é assim há 50 anos. A Quinta do Santoinho está de portas abertas desde 1972. O Santoinho nasceu pelas mãos de António Cunha, empreendedor no setor do turismo e transportes, ao sentir a necessidade de englobar num só espaço as vivências e a cultura do Minho.

Ler notícia

Arte para todos os gostos: as opções da Feira Nacional de Artesanato, em Vila do Conde

 

Os jardins da Avenida Júlio Graça, em Vila do Conde, voltaram a encher-se de artesanato. É aqui que decorre a 44ª edição da Feira Nacional de Artesanato. Das rendas de bilros, a feira foi abrindo portas a outros artesãos. Hoje, são cerca de 200 expositores, com artesãos de todo o país, que mostram o que de melhor fazem, com diferentes matérias-primas.

Ler notícia

Dancefloor – Jump to the Drop regressou e abanou com a cidade de Braga

 

Três anos depois, o Dancefloor – Jump to the Drop regressou para animar a cidade de Braga. Durante dois dias, o Altice Fórum Braga abanou com um cartaz repleto de nomes imparáveis dos subgéneros mais variados de música de dança.

Ler notícia