CCIFP vive momento positivo, com novos serviços para atrair mais associados
15 Aug, 2022 Última Actualização 11:55 AM, 8 Aug, 2022

CCIFP vive momento positivo, com novos serviços para atrair mais associados

 

Criada em 2006 sob o impulso e iniciativa de grandes sócios fundadores, a Câmara de Comércio e Indústria Franco Portuguesa continua a apoiar as relações comerciais entre França e Portugal. Hoje, congrega mais de 400 membros, parceiros económicos e institucionais, e empresas de todos os setores, desde pequenos negócios a multinacionais.

Ao longo da sua existência, a preocupação máxima está na promoção de negócios entre os dois países, ajudando as empresas que se dedicam ao comércio bilateral no acesso a serviços, aconselhamento e contactos adequados às suas necessidades.

Desde Março de 2019 que a CCIFP garantiu o reconhecimento pelo Governo Português da sua qualidade de utilidade pública. Este facto, confere-lhe legitimidade para trabalhar mais aprofundadamente no apoio às empresas em cooperação com outras organizações estatais e institucionais portuguesas.

Um marco da CCIFP foi a criação do Salão do Imobiliário Português, em 2012. O certame é dirigido a quem quer investir, empreender, estudar ou visitar Portugal. O histórico evento já se tornou uma referência incontornável da promoção do imobiliário português em França.

As relações entre Portugal e França encontram-se numa fase ascendente, estando neste momento em vigor a Temporada Cruzada Portugal-França, correspondente a um conjunto de programas, projetos e atividades, que visam aprofundar a ligação entre os dois países.

O trabalho da CCIFP tem como objetivo aumentar o número de associados. Carlos Vinhas Pereira destaca a ligação contínua entre os portugueses e o seu país. Nos últimos anos, verificou-se um aumento no interesse dos lusodescendentes por Portugal. A viver um período conturbado, por força da pandemia de Covid-19, o presidente da CCIFP apela à união de todos para ultrapassar o momento, deixando como exemplo o slogan a força da aliança.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Museu Carmen Miranda, no Marco de Canaveses, reabriu com a exposição temporária "Antestreia"

 

O Museu Carmen Miranda, no Marco de Canaveses, reabriu com uma exposição temporária intitulada “Antestreia”, dedicada à artista e com a curadoria de António Ponte. O Museu Carmen Miranda encontrava-se encerrado para obras de requalificação e ampliação.

Ler notícia

Quinta de Santoinho celebrou os 50 anos de existência com grande festa para o público

 

Festa e arraial minhoto: é assim há 50 anos. A Quinta do Santoinho está de portas abertas desde 1972. O Santoinho nasceu pelas mãos de António Cunha, empreendedor no setor do turismo e transportes, ao sentir a necessidade de englobar num só espaço as vivências e a cultura do Minho.

Ler notícia

Arte para todos os gostos: as opções da Feira Nacional de Artesanato, em Vila do Conde

 

Os jardins da Avenida Júlio Graça, em Vila do Conde, voltaram a encher-se de artesanato. É aqui que decorre a 44ª edição da Feira Nacional de Artesanato. Das rendas de bilros, a feira foi abrindo portas a outros artesãos. Hoje, são cerca de 200 expositores, com artesãos de todo o país, que mostram o que de melhor fazem, com diferentes matérias-primas.

Ler notícia