Cimeira da CPLP deve realizar-se em julho de 2021 em Luanda
10 Aug, 2022 Última Actualização 11:55 AM, 8 Aug, 2022

Cimeira da CPLP deve realizar-se em julho de 2021 em Luanda

O secretário executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) disse hoje que a Cimeira de Chefes de Estado e de Governo dos Estados-membros da organização deverá realizar-se em julho de 2021, em Luanda.

"A proposta de Angola é que Cabo Verde, a título excecional, prolongue a sua presidência até julho de 2021, altura em que terá lugar a cimeira de Luanda e haverá então a passagem formal da presidência de Cabo Verde para a presidência de Angola", afirmou à Lusa por telefone Francisco Ribeiro Telles.

O diplomata acrescentou que “há um pedido [de Angola] a Cabo Verde para que prolongue a sua presidência até julho de 2021, tendo em conta a situação de pandemia” provocada pelo novo coronavírus. “Cabo Verde disse que aceitaria esse encargo. Agora essa proposta vai ser submetida aos Estados-membros na próxima reunião do comité de concertação permanente [CCP], que terá lugar aqui em Lisboa no próximo dia 28", continuou o diplomata.

Assim, a cimeira de chefes de Estado e de Governo, prevista para setembro deste ano passa para julho de 2021, "caso os Estados-membros estejam de acordo com a proposta que Cabo Verde irá apresentar no próximo CCP". "As cimeiras normalmente têm lugar no mês de julho. A ideia de [este ano] ser em setembro [como estava previsto até agora] tinha a ver com razões de calendário", explicou Ribeiro Telles.

Segundo o secretário executivo da organização, Angola fez este pedido a Cabo Verde tendo em conta a circunstância da pandemia de covid-19, não só no país, mas como em todos os Estados-membros da CPLP. Os Estados-membros da organização são Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 318 mil mortos e infetou mais de 4,8 milhões de pessoas em 196 países e territórios. Mais de 1,7 milhões de doentes foram considerados curados. A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

 

FONTE: LUSA

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Outras Notícias

Temporada Cruzada Portugal França atravessa Lisboa e entra nos Maus Hábitos no Porto

A residência das artistas Leonor Parda e Aliha Thalien, no Porto, e a 'performance' “Lisboa Crossing”, da dupla boijeot.renauld, a decorrer nas ruas da capital, realizam-se em agosto, no âmbito da Temporada Cruzada Portugal-França.

Ler notícia

Lusitanos de Saint-Maur apresentou-se para a época 22/23 com novidades

O Lusitanos de Saint-Maur, clube representativo da comunidade portuguesa, apresentou-se para a época 2022/2023 com muitas caras novas e cheio de ambição.

Ler notícia

Festival Amadora BD 2022 será dedicado à relação Portugal-França

O próximo festival Amadora BD, em outubro, será dedicado à relação entre Portugal e França e contará, pela primeira vez, com um espaço dedicado aos videojogos, revelou a organização.

Ler notícia

Vilar Formoso tem “photopoint” na fronteira para atrair emigrantes e turistas

A Associação Territórios do Côa e o município de Almeida inauguraram um ‘photopoint’, na fronteira de Vilar Formoso, para que emigrantes e turistas passem pela vila, agora que a entrada em Portugal é feita por autoestrada.

Ler notícia

Consulado Geral de Portugal em Bordéus reduz tempo de espera de documentos para metade

O cônsul-geral de Portugal em Bordéus, Mário Gomes, diz que o tempo de espera para uma marcação de renovação do cartão de cidadão é agora de mês e meio, esperando que o centro de atendimento telefónico fique ativo para esta região até ao final de 2022.

Ler notícia